Forum Base Militar Web Magazine

Bem-vindo: Sex Nov 22, 2019 3:05 am

Todos os horários são




Criar novo tópico Responder  [ Array ]  Ir para página 1, 2, 3  Próximo
Autor Mensagem
 Título: Leonardo (antiga AgustaWestland)
MensagemEnviado: Seg Mai 30, 2011 8:28 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Visitar website do usuário  Perfil

Registrado em: Ter Nov 06, 2007 6:50 pm
Mensagens: 4256
Localização: Brasil, RJ
Deu na revista Exame:

Citação:
Um céu de brigadeiro
A Agusta Westland, fabricante anglo-italiana de helicópteros deve abrir na cidade de São Paulo um novo helicentro, onde concentrará os serviços de venda e manutenção, além de uma nova montadora de helicópteros. Cerca de 50% dos helicópteros para uso corporativo em circulação no espaço aéreo do Brasil são da empresa, mas seus executivos acreditam que é possível crescer ainda mais no país a partir da capital paulista.


A matéria dá a entender que o foco da atuação da Agusta Westland será o mercado corporativo, porém, este pode ser o início de uma concorrência real à Helibrás no mercado nacional de Defesa.

atenciosamente,

_________________
::Robson Rocha
http://www.comunicarteei.blogspot.com


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland no Brasil
MensagemEnviado: Sáb Jun 04, 2011 9:37 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Ter Abr 29, 2008 10:20 pm
Mensagens: 1496
Robsonmkt escreveu:
Deu na revista Exame:

Citação:
Um céu de brigadeiro
A Agusta Westland, fabricante anglo-italiana de helicópteros deve abrir na cidade de São Paulo um novo helicentro, onde concentrará os serviços de venda e manutenção, além de uma nova montadora de helicópteros. Cerca de 50% dos helicópteros para uso corporativo em circulação no espaço aéreo do Brasil são da empresa, mas seus executivos acreditam que é possível crescer ainda mais no país a partir da capital paulista.


A matéria dá a entender que o foco da atuação da Agusta Westland será o mercado corporativo, porém, este pode ser o início de uma concorrência real à Helibrás no mercado nacional de Defesa.

atenciosamente,



Só se for como montadora! Nada de P&D desses engenhos no Brasil... E no máximo uns fornecedores de cablagens e arruelas! Ou seja, tudo a mesma m****rda!

_________________
Brasil, o País da Desfaçatez e dos Hipócritas!


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland no Brasil
MensagemEnviado: Qua Mai 23, 2012 7:21 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Sex Abr 17, 2009 2:54 pm
Mensagens: 2245
Citação:
Será que a AgustaWestland vai montar fábrica no Brasil?

Com o PIB da Europa despencando, o governo da Itália mira em direção a outros continentes. Uma delegação de negócios daquele país desembarca no Brasil em julho. Uma das propostas que o ministro do Meio Ambiente da Itália, Corrado Clini, traz é a de uma parceria para a instalação de uma fábrica de helicópteros em nosso país, com transferência de tecnologia e desenvolvimento de equipamentos militares.

FONTE: Ricardo Boechat (Revista IstoÉ)

http://www.defesaaereanaval.com.br/?p=1557

_________________
"Uma nação que confia em seus direitos, em vez de confiar em seus soldados, engana-se a si mesma e prepara a sua própria queda." (Rui Barbosa)


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland no Brasil
MensagemEnviado: Qua Mai 23, 2012 10:38 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Sex Jan 01, 2010 9:52 pm
Mensagens: 9235
M. Souza escreveu:
Robsonmkt escreveu:
Deu na revista Exame:

Citação:
Um céu de brigadeiro
A Agusta Westland, fabricante anglo-italiana de helicópteros deve abrir na cidade de São Paulo um novo helicentro, onde concentrará os serviços de venda e manutenção, além de uma nova montadora de helicópteros. Cerca de 50% dos helicópteros para uso corporativo em circulação no espaço aéreo do Brasil são da empresa, mas seus executivos acreditam que é possível crescer ainda mais no país a partir da capital paulista.


A matéria dá a entender que o foco da atuação da Agusta Westland será o mercado corporativo, porém, este pode ser o início de uma concorrência real à Helibrás no mercado nacional de Defesa.

atenciosamente,



Só se for como montadora! Nada de P&D desses engenhos no Brasil... E no máximo uns fornecedores de cablagens e arruelas! Ou seja, tudo a mesma m****rda!

Será uma fonte de empregos e negócios para o Brasil, que seja bem vindo.

Se vai gerar pesquisa e desenvolvimento é um mero detalhe. Para isto eles tem suas unidades na Itália e Inglaterra.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland no Brasil
MensagemEnviado: Qua Mai 23, 2012 9:03 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Ter Abr 29, 2008 10:20 pm
Mensagens: 1496
Mero detalhe pra quem? Pra vc? Por que pro Brasil seria muito importante....

_________________
Brasil, o País da Desfaçatez e dos Hipócritas!


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland no Brasil
MensagemEnviado: Qua Mai 23, 2012 9:51 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Sex Jan 01, 2010 9:52 pm
Mensagens: 9235
M. Souza escreveu:
Mero detalhe pra quem? Pra vc? Por que pro Brasil seria muito importante....

Eles já tem uma grande linha de helis, não precisam inventar nada aqui, na minha opinião se gerarem empregos e puderem aproveitar nosso parque aeronáutico com algum grau de nacionalização a ser negociado, será bom para ambas as partes.

A Bahia não tem nada a reclamar com a instalação da fábrica chinesa de carros JAC Motors, vai gerar empregos e negócios. Mas o projeto do carro vem todo pronto da China.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland no Brasil
MensagemEnviado: Seg Mai 28, 2012 4:53 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Dom Mar 20, 2011 5:35 pm
Mensagens: 1122
Tá decidido onde ela vai se instalar, ou eu posso falar com o prefeito da minha cidade? :wink:

_________________
“Para saber quem domina o mundo, você deve saber qual grupo não se pode criticar” - Kevin Alfred Strom
"Somente os ingênuos ou ignorantes acham que o Brasil não possui inimigos" - Batman


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland no Brasil
MensagemEnviado: Seg Jul 09, 2012 9:16 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qui Nov 29, 2007 9:11 pm
Mensagens: 9903
Localização: Caxias do Sul - RS
Enquanto os mercados tradicionais andam patinando, principalmente na área militar .... os principais fabricantes se mexem no tabuleiro civíl.

Abaixo, os novos helis da Agusta-Westland, o AW-169 e o AW-189 apresentados hoje na feira de Farnborough, na Inglaterra.

AW - 189

Imagem
Imagem
Imagem
Imagem


AW - 169

Imagem
Imagem
Imagem

Imagens/Fotos: Gustavo Cassadio/Terra.


Também se veiculou hoje a intenção da concorrente americana, a Sikorsky, poder se instalar no Brasil.

Sds.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland
MensagemEnviado: Qua Abr 17, 2013 12:45 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Seg Jan 08, 2007 5:22 pm
Mensagens: 9197
Localização: Brasília - DF, Brasil
Citação:
Imagem

Agusta Westland apresenta o helicóptero AW169 AAS em evento do Exército dos EUA

Publicado em 16/04/2013 por Fernando Valduga em Helicópteros, Militar

Imagem
O mockup do helicóptero de escolta aérea armada AW169 AAS durante convenção do Exército dos EUA.

A AgustaWestland revelou oficialmente a mais recente geração de helicóptero militar AW169 AAS durante uma cerimônia dedicada realizada na Exposição e Fórum Internacional Anual da Associação da Aviação do Exército dos EUA (AAAA – Army Aviation Association of America) em Fort Worth, Texas (10-13 abril). O AW169 AAS é um avançado helicóptero bimotor com a capacidade de atender a todos requisitos de missão de Escolta Aérea Armada (AAS – Armed Air Scout) do Exército dos EUA e proporciona um design novo e uma nova tecnologia de helicóptero para o campo de batalha atual e futuro.

Com dois melhorados motores PW210A que podem operar em desafiadoras condições “quentes e altas” e que incorporam um avançado sistema de eficiência do rotor principal, o AW169 AAS oferece alto desempenho e capacidade duradoura em longas distâncias com potencial crescimento de engenharia. Com um conjunto abrangente de equipamentos de missão disponível, o AW169 AAS é o único helicópteros adaptável para suportar todas exigências de missão de escolta aérea armada da Aviação do Exército dos EUA com eficiência de custo, tornando ele um pré-requisito para a prontidão de defesa. O AW169 AAS possui alto desempenho, funcionalidades avançadas de segurança e excelente custo / efetividade. Combinado com arquitetura aberta de sistemas, controles e displays integrados, sistemas de gerenciamento de vôo, equipamento de missão e de armas – é a única solução que atende aos requisitos de AAS de hoje e de amanhã.

Imagem
Concepção artística do AW169 AAS. (Foto: AgustaWestland)

R. Scott Rettig, CEO da AgustaWestland América do Norte, disse: “Estamos muito animados e orgulhosos por estar revelando o helicóptero AW169 AAS na Exposição e Fórum Anual da AAAA. Acreditamos que definimos um novo padrão para helicópteros de reconhecimento armado.”

Adrian Board, chefe de relações públicas da AgustaWestland acrescentou: “O único helicóptero nova geração em sua categoria em 40 anos oferece a visão da AgustaWestland de design e capacidade de desenvolvimento para oferecer os níveis de custo e eficácia de missão em serviço com o Exército dos EUA e oferece o sucesso e segurança para cumprir a missão nas próximas décadas.”

O AW169 AAS é particularmente adequado para realizar com segurança e realizar a mais ampla variedade de atuais e futuras missões de reconhecimento armado, incluindo escolta aérea, comando e controle, operações de segurança, operações profundas, aquisição de alvos e metas, coordenação de apoio de disparos do Exército dos EUA. O AW169 AAS oferece alta manobrabilidade, amplitude de poder e demonstra uma aeronave que atende todas condições de vôo e de missão.

O AW169 é tolerante a falhas e danos balísticos, apresenta múltiplos sistemas críticos redundantes críticos, uma excelente capacidade com um motor inoperante, capaz de auto-selagem do sistema de combustível de grande resistência, estruturas e assentos resistentes ao choque , trem de pouso reforçado e proteção blindada para a tripulação, do sistema de combustível, e componentes vitais, assim como um avançado conjunto de auto-defesa integrada.

Além disso, o AW169 AAS possui motores e lâminas que reduzem a assinatura de calor e ruído contribuindo para a eficácia da missão e capacidade de sobrevivência. Um sistema de gestão totalmente integrada de aeronaves e de missão está baseado na tecnologia de última geração e os aviônicos compreendem uma conjunto de aviônicos com baixa carga de trabalho e alta consciência situacional IFR com um único piloto e um cockpit glass compatível com NVG, controle integrado e sistema com três grandes telas multifuncionais e tecnologia de tela sensível ao toque. A excelente ergonomia no cockpit permite também uma excelente visibilidade externa, incluindo comunicações avançadas e dados do sistema de gestão, um conjunto abrangente de sensores, visão sintética e Helmet Mounted Display (HMD) / Head-Up Display (HUD).

A combinação de sistemas de armas incluem metralhadoras, lançadores de foguetes e mísseis ar-terra. O AW169 AAS é projetado para maximizar a eficiência operacional e reduzir o tempo e o custo de manutenção, graças a um número reduzido de componentes em comparação com plataformas mais antigas ou já existentes, de fácil acesso e com um ciclo de vida estendido para muitos componentes-chaves, bem como dispositivos avançados de diagnósticos.

Um pacote completo de soluções avançadas de treinamento dedicado e dispositivos, incluindo um simulador completo de vôo Nível D, estarão disponíveis imediatamente quando o AW169 entrar no mercado. Com todos os quatro protótipos já ultrapassando um total de mais de 200 horas de vôo em apenas nove meses de testes de desenvolvimento, com o programa AW169 previsto para entrar no mercado em 2014.

http://www.cavok.com.br/blog/?p=64992


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland
MensagemEnviado: Sáb Abr 20, 2013 2:30 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Seg Jan 08, 2007 5:22 pm
Mensagens: 9197
Localização: Brasília - DF, Brasil
Citação:
Embraer e AgustaWestland encerram negociações para produção de helicópteros

Imagem

Embraer e AgustaWestland encerram negociações para produção de helicópteros

(Reuters) – A Embraer informou nesta sexta-feira ter encerrado as negociações com a AgustaWestland, do grupo italiano Finmeccanica, para estabelecer uma joint-venture no Brasil, sem que nenhum acordo tenha sido alcançado, de acordo com comunicado.

As empresas haviam informado em janeiro um memorando de entendimentos para parceria na produção de helicópteros.

Imagem

http://www.defesaaereanaval.com.br/?p=17870


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland
MensagemEnviado: Sáb Abr 20, 2013 2:38 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Seg Jan 08, 2007 5:22 pm
Mensagens: 9197
Localização: Brasília - DF, Brasil
Citação:
Desfeito acordo entre Agusta Westland e Embraer

19 de abril de 2013, em Asas Rotativas, Indústria, indústria aeronáutica, por Guilherme Poggio

Memorando de cooperação entre as empresas havia sido assinado em janeiro deste ano


Imagem

Clayton Netz

A Agusta e a brasileira Embraer desfizeram nesta sexta-feira (19) o acordo para a instalação de uma fábrica de helicópteros no Brasil. As razões do fim da aliança não foram esclarecidas pelas empresas.

As duas empresas haviam assinado um memorando de cooperação em janeiro deste ano para formar uma joint venture. À época, analistas interpretaram o anúncio como uma forma de a Embraer diversificar suas receitas, que são muito dependentes da aviação comercial.

A empreitada iria bater de frente com a brasileira Helibrás, controlada pela francesa Eurocopter, que atualmente detém cerca de metade do mercado de helicópteros civis. A Helibrás é até hoje a única fábrica de helicópteros do Brasil.

FONTE: IstoÉ Dinheiro

NOTA DO EDITOR: veja nota à imprensa divulgada pela Embraer abaixo

Nota à imprensa

São Paulo, Brasil; Cascina Costa, Itália, 19 de abril de 2013 – Dando sequência ao comunicado conjunto à imprensa emitido em 21 de janeiro deste ano, relativo ao memorando de entendimentos assinado entre Embraer S.A. e AgustaWestland, companhia do grupo Finmeccanica, as empresas anunciam hoje a decisão conjunta de encerrar negociações sobre o tema sem que tenha sido alcançado acordo para o estabelecimento de uma joint-venture no Brasil.


http://www.aereo.jor.br/2013/04/19/desf ... e-embraer/


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland
MensagemEnviado: Sáb Abr 20, 2013 2:41 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Seg Jan 08, 2007 5:22 pm
Mensagens: 9197
Localização: Brasília - DF, Brasil
É uma péssima notícia, infelizmente, mas tenho quase que certeza que os motivos que acabaram por finalizar essa joint-venture foram outros que não lobby de A, B ou C. Quando eu soube da informação de que a Embraer estaria procurando um parceiro, logo eu imaginava na AW, alguns dias depois me confirmaram que seria ela mesma.

Daí me falaram que a idéia não seria apenas montagem com alguma participação industrial, o objetivo da Embraer seria bem mais do que isso e pensando nisso, talvez, a AW resolveu endurecer o jogo, querendo mais garantias de sua participação, para, num futuro não muito distante, criar uma concorrente de peso.

No meu entender as coisas apertaram na hora do acordo, a AW queria uma coisa, entrar no mercado brasileiro com mais fôlego e peso político, já a Embraer queria a tecnologia para num futuro próximo andar com as próprias pernas, ai a coisa azedou. Business meus amigos, business. Mercado existe, justamente no segmento que a AW tem ótimos produtos, acho eu que os problemas sejam do tipo contratual.

Acredito agora que a Embraer deva procurar algo com a Bell e/ou Sikorsky, se eu estivesse no comando da empresa e estivesse querendo entrar nesse ramo, absorvendo tecnologias, as opções agora são essas, pelo menos no mundo ocidentalizado.

Agora querer creditar a esse não acordo ao “poderoso lobby Eurocopter” é querer acreditar demais em teoria de conspiração, na boa, isso é viajar na maionese.

Até mais!!! :wink:


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland
MensagemEnviado: Sáb Abr 20, 2013 9:33 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qui Mai 28, 2009 1:03 pm
Mensagens: 1785
Eu já acho que desprezar o "poderoso lobby da Eurocopter" é ser ingênuo ou querer se passar por bobo. Esse é o país do conchavo e das manobras de bastidores com envolvimento da política partidária mais rasteira em todos os setores, inclusive nesse, com notória participação de ex-governadores e atuais senadores... governistas e oposicionistas!
Quanto à vinda de outro fabricante, eu acho que não acontecerá. E os motivos que me levam a pensar assim não se resumem ao acima exposto. Por conta da atual negociação sindical dos aeronautas, colegas mais antigos no mercado me mostraram os vícios que existem na base desse setor. Não interessa a ninguém, aqui dentro, fabricar helicópteros de porte maior que o Esquilo no Brasil! Uma indicação disso é o EC-725/225 ter índice de nacionalização de 50%. Com menos de 65% ele não será considerado produto nacional para concorrer com vantagens tributárias. Por que? Porque não interessa aos potenciais compradores... essa eu aprendi há poucos dias... com riqueza de detalhes, mas vou omitir essa parte. Acredite quem quiser.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland
MensagemEnviado: Sáb Abr 20, 2013 9:55 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qui Mai 28, 2009 1:03 pm
Mensagens: 1785
Em atendimento ao nosso moderador, vou prosseguir aqui a conversa que começou no tópico de He da FAB.
Mercado para aeronaves do porte do AW-139/189 há de sobra. A Eurocopter abriu sua linha de montagem com 50 encomendas do 725, para serem entregues ao longo de 8 anos. Só para exemplificar, no espaço de um ano, a partir de agora, apenas duas das nossas empresas off-shore estarão recebendo 8 AW-139. Fora os demais modelos (a Sikorsky só está aceitando encomendas do S-92 para daqui a 3 anos) e as outras empresas.
Somente aqui na região da Bacia de Santos a Petrobrás e suas sócias vão instalar 38 plataformas até 2020. Hoje não há mais do que umas vinte unidades, em sua maioria (+/- 80%) Navios-Sonda. São (mal) apoiados por aproximadamente 13 S-92, 15 AW-139 e 5 EC-225 (infelizmente parados). Cada aeronave tem feito uma média de 5 horas de voo diárias e não conseguem atender toda a demanda. O over-night da manutenção é uma loucura. E a indústria do petróleo está subindo em direção à Bahia.
A Petrobrás colocou em seus novos contratos que não aceitará aeronaves com mais de 10 anos de uso. Uma considerável parcela das aeronaves de Macaé vai ter que ser substituída até em curto-prazo.
Há mercado... mas, pelo que escrevi no post anterior, não há o interesse pelo produto nacional... uma olhada no balancete financeiro das empresas mostra o porquê! Mas isso eu guardo para mim...


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Agusta Westland
MensagemEnviado: Sáb Abr 20, 2013 11:15 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Visitar website do usuário  Perfil

Registrado em: Ter Nov 06, 2007 6:50 pm
Mensagens: 4256
Localização: Brasil, RJ
A nota conjunta diz que:

"decisão conjunta de encerrar negociações sobre o tema sem que tenha sido alcançado acordo para o estabelecimento de uma joint-venture"

Este trecho da nota vai de encontro à hipótese levantada pelo Wellington de que a questão esbarrou em negociações internas entre as duas empresas.

atenciosamente,

_________________
::Robson Rocha
http://www.comunicarteei.blogspot.com


Voltar ao topo
 
Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ Array ]  Ir para página 1, 2, 3  Próximo

Todos os horários são


Quem está online

Array


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Ir para:  
cron
Powered by phpBB © 2000, 2002, 2005, 2007 phpBB Group  
Design By Poker Bandits  
Traduzido por: Suporte phpBB Brasil