Forum Base Militar Web Magazine

Bem-vindo: Ter Nov 12, 2019 8:41 am

Todos os horários são




Criar novo tópico Responder  [ Array ]  Ir para página Anterior  1, 2
Autor Mensagem
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Dom Out 18, 2015 11:33 am 
Offline
Intermediário
Intermediário
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Sáb Dez 13, 2008 9:01 am
Mensagens: 260
Localização: Sampa
carvalho2008 escreveu:
Sidy escreveu:
Sugiro assistir a este review do filme Fury. Tem muita coisa errada ali...

https://www.youtube.com/watch?v=z2i6lmSIvi0

[ ]s

Sidney

PS - Está em alemão, mas dá para habilitar as legendas em inglês.



:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Legal Mestre Syd,

Assistirei este tambem.


Meu caro, não sou mestre de nada, apenas curioso. Achei os pontos ressaltados pelo alemão pertinentes, em especial o fato de que o Tiger não tinha que ter ido em direção aos Shermans para abate-los - veja que já no primeiro tiro o último da fila já era. Se expor em campo aberto, indo em direção aos Shermans, apenas prejudicou-o. Improvável que isto ocorresse de fato.

Nem comento a cena final, pois um Sherman imobilizado duraria muito pouco contra um batalhão experimentado, ainda mais munido de vários panzerfaust.

[ ]s

Sidney


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Ter Out 20, 2015 3:20 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Sex Jan 01, 2010 9:52 pm
Mensagens: 9235
Vejam este vídeo, realmente a vida do pessoal nestes blindados está complicada.

Triste é o exagero de Allahu Akbar(Alah é grande) gritado. Fanatismo tem limite.

https://m.youtube.com/watch?v=Z2GTeFWlws4


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Ter Out 20, 2015 5:02 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qua Abr 02, 2008 5:32 pm
Mensagens: 3526
Pois é, as forças irregulares armadas com mísseis anticarro TOW fornecidos pelos EUA estão fustigando as forças blindadas sírias.

Infelizmente o nosso exército está longe de ter essa capacidade.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Ter Out 27, 2015 11:24 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qua Abr 02, 2008 5:32 pm
Mensagens: 3526
Baschera escreveu:
Para entender a real importância de um carro blindado de combate...eu, ontem, assisti ao filme "FURY" (Corações de Ferro)....

Aliás, se na IIWW a coisa já era um inferno, hoje em dia com as novas opções de armas anti MBT, a coisa ficou pior.... por isto a necessidade de muito treino, boas opções de identificação precoce e boa blindagem.

Sds.


Estou lendo sobre a Guerra de Yom Kippur, na qual pouco mais de uma centena de Centurion (Sho't) e M48A3 foi capaz de deter centenas de T-54/55 e T-62 sírios na colina de Golan.

Quais os principais fatores que contribuíram para a vitória dos carros de combate israelenses?

1. Profundo conhecimento do terreno e preparação de uma eficiente linha de defesa;
2. Treinamento eficiente das guarnições;
3. Capacidade dos oficiais;
4. Apoio logístico adequado, particularmente no que diz respeito a capacidade de manutenção dos meios blindados danificados;
5. Superioridade dos carros de combate (canhão - L7 105mm - , blindagem e robustez superiores). Os Centurion e M48 eram inferiores aos CCs russos somente em consciência situacional, pois não possuíam capacidade de visão noturna. A grande fraqueza do exército israelense era a ausência de infantaria blindada para proteger os CCs. Muitos foram destruídos ou danificados por soldados sírios armados com RPG-7 que conseguiram operar com relativa liberdade no campo de batalha. Durante a guerra os israelenses também usaram o M51 Super Sherman (armado com o canhão francês 105mm CN-105 D1) e uma pequena quantidade de M60A1.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Qua Out 28, 2015 11:00 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Visitar website do usuário  Perfil

Registrado em: Qui Out 02, 2008 9:21 am
Mensagens: 1244
Localização: Porto Alegre-RS
rdx escreveu:
Baschera escreveu:
Para entender a real importância de um carro blindado de combate...eu, ontem, assisti ao filme "FURY" (Corações de Ferro)....

Aliás, se na IIWW a coisa já era um inferno, hoje em dia com as novas opções de armas anti MBT, a coisa ficou pior.... por isto a necessidade de muito treino, boas opções de identificação precoce e boa blindagem.

Sds.


Estou lendo sobre a Guerra de Yom Kippur, na qual pouco mais de uma centena de Centurion (Sho't) e M48A3 foi capaz de deter centenas de T-54/55 e T-62 sírios na colina de Golan.

Quais os principais fatores que contribuíram para a vitória dos carros de combate israelenses?

1. Profundo conhecimento do terreno e preparação de uma eficiente linha de defesa;
2. Treinamento eficiente das guarnições;
3. Capacidade dos oficiais;
4. Apoio logístico adequado, particularmente no que diz respeito a capacidade de manutenção dos meios blindados danificados;
5. Superioridade dos carros de combate (canhão - L7 105mm - , blindagem e robustez superiores). Os Centurion e M48 eram inferiores aos CCs russos somente em consciência situacional, pois não possuíam capacidade de visão noturna. A grande fraqueza do exército israelense era a ausência de infantaria blindada para proteger os CCs. Muitos foram destruídos ou danificados por soldados sírios armados com RPG-7 que conseguiram operar com relativa liberdade no campo de batalha. Durante a guerra os israelenses também usaram o M51 Super Sherman (armado com o canhão francês 105mm CN-105 D1) e uma pequena quantidade de M60A1.


O Livro do Herzog rdx?
Faz tempo que li, mas se não estou enganado acho que na pior hora da guerra, até alguns AMX-13 da reserva estiveram em ação no Golan, e com relativo sucesso.

_________________
JEDICENTER - Seu Centro de Informações Star Wars.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Qua Out 28, 2015 9:51 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qua Abr 02, 2008 5:32 pm
Mensagens: 3526
Exato Fab-Wan. O livro é uma impecável apreciação da guerra moderna.

Não cheguei na parte que fala do emprego do AMX-13 (outras fontes citam que até T-54/55 capturados foram usados pelos israelenses), mas assim que terminar a leitura pretendo fazer um breve resumo dos ensinamentos desse conflito.

Infelizmente poucos foram adotados pelo EB. Basta dizer que no final da década de 70, os nossos "gênios" militares gastaram tempo e dinheiro para desenvolver versões modernizadas do lixo M3 Stuart (X1 e X1A2) e uma porca modernização do M-41.... Este merecia um canhão 105mm e bons sensores. Dependendo dos custos poderia ter recebido a torre do SK-105. Enfim, perdemos a oportunidade de transformar o M-41 em um excelente caça-carros.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Sáb Nov 14, 2015 12:51 am 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Sex Jan 01, 2010 9:52 pm
Mensagens: 9235
Olhem a modernização dos M-60 que Israel está fechando negócio com a Tailándia. Fotos Defense Studies
O serviço deverão ser feito na Tailândia com transferência de tecnologia e supervisão de empresas israelenses.
Motor com overhaul e potência aumentada para 900hp, transmissão nova e suspensão nova, canhões 120mm habilitados a uso antitanque e anti avião e torre padrão Merkava.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Sáb Nov 14, 2015 2:35 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qua Dez 11, 2013 10:29 pm
Mensagens: 1885
Localização: Hell de Janeiro
O EB deveria adquirir mais unidades do M-60 para uso no Norte e Centro-Oeste do país.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Ter Nov 17, 2015 9:56 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qua Abr 02, 2008 5:32 pm
Mensagens: 3526
Guerra do Yom Kippur (1973)

Naquela que é considerada a primeira guerra moderna, forças árabes lideradas pelos exércitos do Egito e da Síria e apoiadas pelos soviéticos atacaram de surpresa Israel.

BLINDADOS:

Carros de combate - Os árabes empregaram grandes quantidades T-54/T-55 e T-62, bem como carros Centurion (Jordânia) e carros anfíbios PT-76. Apesar da superioridade de meios (em muitos combates superior a 10x1) e da capacidade de visão noturna, os árabes levaram uma surra dos israelenses. Além desses carros, os árabes empregaram uma miscelânea de carros obsoletos, sobretudo para tarefas defensivas, tais como: T-34, heavy tanks IS-3 e T-10, tank destroyers T34/100, ISU-100, ISU-122 e ISU-152. O temido T-62 armado com um canhão 115mm mostrou-se um fiasco no campo de batalha. Terminada a batalha de Golan, o exército israelense tinha destruído as forças blindadas sírias e ainda recebeu de presente 867 blindados intactos. Na guerra, o exército israelense empregou os seguintes blindados: Centurion (Sho't), M48 e M60 (Magach), M51 Super Sherman. Algumas fontes citam o emprego do Tiran (T-54/55 capturados e modernizados com o canhão 105 mm).

Imagem
M48A3 (Magach)

Imagem
PT-76

Transporte de tropas - Os árabes empregaram os seguintes blindados para transportar sua infantaria no campo de batalha: BTR-50, BTR-60 8X8, BTR-152 6X6, OT-64 8X8 e BMP-1. Os árabes testaram em combate o primeiro VCI, o BMP-1. Já no exercito israelense, estranhamente, a espinha dorsal da cavalaria era formada pelos obsoletos e pouco protegidos half track M3 e M5. O M113 tinha má reputação (blindagem fraca) e inicialmente foi relegado a tarefas na retaguarda. A ausência de blindados capazes de acompanhar os carros de combate foi a grande deficiência do exército israelense. Outra fraqueza foi a baixa mobilidade estratégica do exército. A ausência de ferrovias na região da guerra forçava o deslocamento dos blindados sobre lagartas aumentando, sobremaneira, as panes mecânicas e o consumo de combustível.

Imagem
BMP-1

Imagem
M3 Half Track

Caça carros - os árabes empregaram blindados caça carros BRDM-1 (armados com mísseis AT-1 Snapper e AT-2 Swatter) e BRDM-2 (armados com eficazes mísseis AT-3 Sagger).

Imagem
BRDM-2


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Ter Nov 17, 2015 10:09 pm 
Offline
Intermediário
Intermediário
 Perfil

Registrado em: Sáb Dez 21, 2013 7:13 pm
Mensagens: 234
Semana retrasada cruzei com um M-60, provavelmente, vindo de Campo Grande aqui em Botucatu.

Dai o EB soltou fotos das Manobras Escolares.

Portanto ou ele tomou parte ou foi para o Arsenal de Barueri.


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Qua Dez 02, 2015 4:40 pm 
Offline
Avançado
Avançado
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Ter Jun 04, 2013 5:33 pm
Mensagens: 798
Abelpauperio escreveu:
Semana retrasada cruzei com um M-60, provavelmente, vindo de Campo Grande aqui em Botucatu.

Dai o EB soltou fotos das Manobras Escolares.

Portanto ou ele tomou parte ou foi para o Arsenal de Barueri.


Olha eles ai na Manobra Escolar 2015

https://www.youtube.com/watch?v=Zgxu5A0uPeA

_________________
Att,
Flávio Nicoliche


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Ter Set 27, 2016 11:36 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Visitar website do usuário  Perfil

Registrado em: Ter Nov 06, 2007 6:50 pm
Mensagens: 4256
Localização: Brasil, RJ
A Matéria do Defesanet abordava tanto blindados sobre lagartas quanto sobre rodas. Desmembrei a notícia em duas e aqui postei a parte que cabe ao M60 e Leopard:

Citação:
Exército aposta no M-60A3TTS
O correspondente de DefesaNet atualiza os programas de viaturas blindadas de lagartas e rodas do Exército Brasileiro.

Pedro Paulo Rezende
Especial para DefesaNet

Brasília — A frota brasileira de 91 carros de combate M-60A3TTS (Tabk Thermal Sight) será integralmente recolocada em operação, reforçando a capacidade do Comando Militar do Oeste. Atualmente, apenas 60 viaturas estão em serviço. O Comando do Exército já encaminhou correspondência para a Secretaria de Defesa dos Estados Unidos solicitando os suprimentos necessários para a medida.

O mercado de sobressalentes do M-60 é bastante amplo e há pacotes de modernização desenvolvidos por Israel que ampliam a capacidade de sobrevivência, com o uso de blindagens modular e ativa, e o poder de fogo do modelo, que pode incluir um canhão de 120 mm em lugar do L-107 de 105 mm. Entre os planos da Força Terrestre está a aquisição de mais unidades de carros de combate Leopard 1A5, que substituiriam os remanescentes do lote de 128 Leopard 1A1 adquiridos da Bélgica na década de 1990.

Está em negociação com os Estados Unidos um lote de peças de reposição para os M60A3TT, incluindo motores, filtros, transmissões e outras equipamentos. Os carros M60A3TTS estão em operação no EB desde o fim dos anos 90.

O Exército Brasileiro pretende modernizar os Leopard 1A5BR brasileiros com a troca de todos os equipamentos eletrônicos de bordo e a adição de módulos de blindagem para melhorar a proteção dos carros de combate. Segundo uma fonte da Força Terrestre, a realização de um upgrade poderia acrescentar conhecimento tecnológico para as empresas da Base Industrial de Defesa. A frota de Leopard 1A1 não receberá qualquer atualização. Equipada com um sistema de estabilização desenvolvido pela SABCA seria extremamente caro convertê-lo a um padrão mais atual.

No entanto, a Krauss-Maffei Wegmann (KMW) do Brasil já alertou o Exército Brasileiro que a frota de Leopards 1A5BR se aproxima do fim de sua vida útil. A empresa já se prepara para o processo de substituição da frota de carros de combate em operação pela Força Terrestre, incluindo os M-60A3 TTS. Localizada no município gaúcho de Santa Maria, encaminhou um questionário para o Comando do Exército solicitando dados suficientes para a elaboração de um novo projeto.

Estimamos que a partir de 2020 os carros de combate do Exército vão perder sua validade e precisamos decidir agora como poderemos cumprir suprir os requisitos futuros da Força Terrestre — disse uma fonte da KMW. — Precisamos de, no mínimo, cinco anos para elaborar um novo desenho. (Nota DefesaNet publicará um Estudo Prospectivo sobre o desenvolvimento de um Carro de Combate nacional)

Entre as propostas em estudo, uma delas emprega o chassi de um veículo de combate de infantaria sobre lagartas, possivelmente embasado no Puma, um produto oriundo de uma joint venture entre a KMW e a Rheinmetall, com uma torre não tripulada. Há uma segunda, que tem uma configuração tradicional. A última utilizaria a plataforma do Boxer com oito rodas.

— Qualquer decisão da empresa depende da evolução econômica do país, mas temos de levar em conta que precisamos de no mínimo cinco anos para elaborar um projeto — ressaltou a fonte. — Se avaliarmos a situação de outros programas, veremos que as metas estão muito abaixo do previsto.

O Exército Brasileiro estuda a modernização que a empresa ELBIT Systems fez nos M60A3TTS para o Exército da Tailândia. Há poucos detalhes disponíveis mas acredita-se que inclua além dos sistemas optrônicos, melhoria do sistema de estabilização e pontaria e um upgrade na blindagem. Ver imagem abaixo.

Imagem
link: http://www.defesanet.com.br/leo/noticia ... M-60A3TTS/

_________________
::Robson Rocha
http://www.comunicarteei.blogspot.com


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Qui Set 29, 2016 3:23 am 
Offline
Avançado
Avançado
 Perfil

Registrado em: Qui Mar 27, 2008 2:06 pm
Mensagens: 438
Danzig escreveu:
O EB deveria adquirir mais unidades do M-60 para uso no Norte e Centro-Oeste do país.




Além da modernização virão mais M-60 via FMS. :wink:

Sds

Lord Nauta


Voltar ao topo
 
 Título: Re: Nossos M-60
MensagemEnviado: Sex Nov 25, 2016 3:34 pm 
Offline
Sênior
Sênior
Avatar do usuário
 Perfil

Registrado em: Qua Abr 02, 2008 5:32 pm
Mensagens: 3526
M60 Sabra x míssil Kornet

http://snafu-solomon.blogspot.com.br/20 ... ke-on.html


Voltar ao topo
 
Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ Array ]  Ir para página Anterior  1, 2

Todos os horários são


Quem está online


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Ir para:  
Powered by phpBB © 2000, 2002, 2005, 2007 phpBB Group  
Design By Poker Bandits  
Traduzido por: Suporte phpBB Brasil